TODAS AS CARTAS DE AMOR SÃO RIDÍCULAS

Cineclube de Tavira apresenta

Experiência poética em filme . Maria de Medeiros, direção de Paul Ouazan

Clube de Tavira Dia; 14 de Outubro 18h00 

Tudo como num animatógrafo num teatro do tamanho do Universo…

In Com as malas feitas e tudo a bordo  de Álvaro de Campos

Curta metragem . experiência poética de Paul Ouazan produzida pelo Atelier Recherche d’Arte France, com a atriz Maria de Medeiros que interpreta o poema em Português, Francês e Alemão- Depois de apresentado na sessão do Cineclube dia 14 de Outubro, o filme ficará sendo projetado em looping num écran de TV, para ser apreciado individualmente com fones de ouvido.
Maria de Medeiros . atriz e realizadora de cinema . Todas as Cartas de Amor são Ridículas
Estudou no Lycée Français Charles Le Pierre, em Lisboa e estreou aos 15 anos como atriz no filme Sivestre de seu pai Victorino D’Almeida. Em Paris estudou filosofia e Drama na National Schools of Arts and Theatre Techniques. Viveu e folmou em Portugal e outros países. Desde 1987 vive em Paris. Tem nacionalidade francesa, e é fluente em português, francês. Inglês, alemão e espanhol.

Paul Ouazan – realizador cinema . Todas as Cartas de Amor são Ridículas

Codiretor e responsável pela pesquisa e desenvolvimento de novos projetos no l’atelier de recherche d’Arte, do canal francªes ARTE.Oroteirista e realizador de cinema.