POEMUS | O GUARDADOR DE REBANHOS VEM À FESTA

POEMUS | THE KEEPER OF HERDS COMES TO THE PARTY

SEX 12 Nov 21 | 18h30
Biblioteca Municipal Álvaro de Campos

organização Casa Álvaro de Campos
RESERVAS: alvarodecampos09@gmail.com

Poesia  | Alberto Caeiro 
Música | Zé Tenente 
Guitarra eléctrica | Zé Tenente
Voz | Celso Candeias

Pintura de António da Silva Porto (1817-1890)

Celso Candeias e Zé Tenente nasceu no Alentejo os viu nascer. Encontraram em Tavira o regaço e o afeto de uma mãe adotiva, que inconscientemente os encaminhou para a vida contemplativa, despertando-lhes a veia adormecida da criação e do prazer. 

Celso Candeias and Zé Tenente were born in Alentejo. They found in Tavira the lap and affection of a foster mother, who unconsciously led them to a contemplative life, awakening in them the dormant vein of creation and pleasure.

Esta é uma performance poético-musical que retrata a visita de Alberto Caeiro à festa de aniversário do seu meio-irmão Álvaro de Campos. Através da criação de melodias suaves e contemplativas e da interpretação sentida de poemas de Alberto Caeiro, pretende-se que a assistência exercite a sensibilidade dos seus 5 sentidos, não pensando em mais nada, pois como o próprio Alberto dizia “pensar é estar doente dos olhos”.  

In this poetic-musical performance they portray Alberto Caeiro’s visit to the birthday party of his half-brother Álvaro de Campos, himself another Pessoa heteronym. Through the creation of soft and contemplative melodies and the heartfelt interpretation of poems by Alberto Caeiro, they seduce the public to exercise the sensitivity of their five senses, without thinking about anything else, because as Alberto himself said: “Thinking is a sickness of the eyes”.