EXPOSIÇÕES

PERSONAE
Exposição de Fonseca Martins

Casa Álvaro de Campos 
SEX 28 SET. a SEX 30 NOV.

Galeria Tavira D’Artes 
SEG OUT. 01 a SEX NOV.30


Todo o material da arte repousa sobre uma abstração: a escultura, p. ex., desdenha o movimento e a cor; a pintura desdenha a 3ª dimensão e o movimento…

                In Páginas de Estética, Fernando Pessoa

Sentindo-se honrado pelo facto de o poeta ter escolhido a sua terra natal para ali fazer nascer o seu mais importante heterónimo, Álvaro de Campos, Fonseca Martins vem procurando imprimir em sua obra pictórica as feições desse imaginado tavirense. O fascínio por Pessoa leva o pintor a também imaginar os seus próprios heterónimos para desenvolver várias vertentes na sua própria pintura. Teve a oportunidade de conhecer alguns membros da família tavirense de Fernando Pessoa,  considera-se, como o tio-avô do poeta, Jacques Pessoa, um livre pensador, e sente-se acompanhado pelo poeta na tarefa de o pintar. Para esta retrospetiva Carlos fez duas seleções de obras sobre Fernando Pessoa, acrescentando as mais recentes que ainda não foram vistas, e as expõe nesses dois espaços simultaneamente.

mais info: 
Casa Álvaro de Campos:alvarodecampos09@gmail.com 
Galeria Tavira D'Artes: taviradartes@gmail.com
IN CITAÇÕES DE ISABEL MACIEIRA EM RETROSPECTIVA 
Gilão Restaurante 
SEG 01 de OUT. a SEX 30 NOV. a partir das 12h00


Não sou nada. Nunca serei nada. Não posso querer ser nada. À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.   
                        In Tabacaria. Álvaro de Campos
 

O título desta mostra surge de uma feliz coincidência da língua portuguesa - in (dentro das) citações... que por sua vez querem de facto ser incitações… um convite a uma viagem interior que por momentos nos leve a uma reflexão
sobre certos conceitos, certos modos de pensar e agir...

O trabalho gira naturalmente à volta da pessoa de Fernando Pessoa, e dos seus outros eus. Álvaro de Campos, heterónimo do Pessoa que "nasceu" em Tavira, entre tantos outros…

Pesquisar e caligrafar alguns dos multifacetados pensamentos deste(s) autor(es) sob a forma de citações, permitiu relacionar, tanto na forma como no conteúdo, a obra deste imenso escritor com toda uma vasta e milenar filosofia e espiritualidade oriental.

Daí a escolha desta disposição das faixas caligrafadas como bandeiras de oração, ou das figuras em escala natural que flutuam e interagem sobre o papel, convidando cada um de nós, enquanto espectadores, a participar neste diálogo algo etéreo.

                                                                       Isabel Macieira


mais info:
Gilão Restaurante: 281 322 050
PESSOAS
Exposição de Ricardo Ranz
Casa Álvaro de Campos
TER 02 OUT. a SEG 15 OUT

aguarela e tinta-da-china

... Toda a arte parte da sensibilidade e nela realmente se baseia...  porque só a sensibilidade verdadeiramente cria...


In  Textos de Crítica e de Intervenção  . Fernando Pessoa

Quando esta exposição esteve no átrio da Universidade Aberta em Lisboa Ricardo Ranz respondeu assim à pergunta "Por que Pessoa?" da entrevistadora da RTP: 
 
"Recordo que em criança, tinha 15 anos, 14 anos... abri pela primeira vez o Livro do Desassossego. As primeiras palavras que li me marcaram. Não recordo exatamente as palavras, mas de tal maneira me preencheram que me perguntei: quem é este homem... "

Ricardo Ranz procura continuamente pela resposta, e sua busca se pode sentir nas imagens em tinta-da-china e aguarela desta exposição. 

mais info: 
Casa Álvaro de Campos:alvarodecampos09@gmail.com
MODERNISMO IN TAVIRA  
Sede da A|NAFA  
SAB 13 de OUT. a SEX 30 NOV.    

Registo fotográfico da pesquisa de Isabel Macieira.
   
... E eu o antigo lá subi a rua imaginando um futuro girassol. E eu o moderno lá desci a rua não imaginando nada… 

                 In Realidade de Álvaro de Campos 

Tavira foi a cidade eleita por Fernando Pessoa para fazer nascer Álvaro de Campos, aquele que será considerado o típico poeta da modernidade, da civilização e da técnica do mundo contemporâneo. Não será mera coincidência: antes, também ele terá sentido o enorme encanto, a envolvência histórica e cultural que nesta cidade se respira em cada recanto... pressente-se que, ao longo das várias épocas, há nesta pequena e requintada cidade um público que se revê no que mais de moderno se faz e que adere de imediato às novas correntes estilísticas. O mesmo acontece durante o período modernista, enformado por um leque de exemplares de grande beleza que urge estudar, inventariar e preservar na sua integridade, importantes testemunhos que são da arquitetura contemporânea na cidade. Nesta exposição integram-se os exempares mais marcantes (cidade e arredores), muitos dos quais da mão do arquiteto Manuel Gomes da Costa, hoje um nome inquestionável da arquitetura modernista do Algarve.   
                                                                           Isabel Macieira 

mais info: A|NAFA: nafatavira@gmail.com
PEOPLE/ PESSOAS

PESSOA’S CAFÉ  
de 05 a 31 OUT.

BIBLIOTECA MUNICIPAL ÁLVARO DE CAMPOS  
de TER 06 a SEX 30 NOV.

... O Universo da gente... a gente... as pessoas todas!...
A multiplicidade da humanidade misturada

                     In Livro de Versos.Álvaro de Campos

Lançamento do livro e exposição dos desenhos de Matthijs Warner.  O livro conterá poemas de Álvaro de Campos com desenhos de Matthijs Warner.  Os desenhos são ilustrações de pessoas. 

Pessoas sem atributos; sem distrações. Tal como Álvaro de Campos nos seus poemas, tratam da "vida despida", que leva à verdade nua. Vivem por si mesmos e não pretendem ser ilustrações para os poemas.

mais info:
Biblioteca Municipal Álvaro de Campos: biblioteca@cm-tavira.pt
A VILA DA MINHA INFÂNCIA
Exposição de Fotografia

Casa Fotografia Andrade 
a partir de 15 de Outubro 2018

Cheguei finalmente à vila da minha infância.
Outrora aqui antevi-me esplendoroso aos 40 anos — Senhor do mundo —
É aos 41 que desembarco do comboio
O que conquistei? Nada. 
             In Álvaro de Campos . Notas sobre Tavira 


Exposição de seleção de fotografias do acervo da família de fotógrafos Andrade, , que mostram registo das primeiras décadas do século XX, ilustrando o poema Notas sobre Tavira  com pormenores da cidade conforme descrita neste poema, onde Álvaro de Campos revela ter voltado a Tavira no ano de 1931.

Os Andrade, família centenária de fotógrafos profissionais, estão instalados em Tavira desde os primórdios da era da fotografia, sendo pioneiros da arte nesta cidade. São os proprietários e iniciadores do Museu Casa Andrade, que abre o acervo de milhares de imagens à visita pública, dando a conhecer as paisagens locais, e hábitos e gostos dos tavirenses ao longo de mais de um século.

mais info: 
Casa Andrade Fotografia +351 281 322 298
PESSOA (S) DE TAVIRA 
BIBLIOTECA MUNICIPAL ÁLVARO DE CAMPOS  
de SEG 26 NOV a SEX 21 DEZ


... O que eu sou hoje é como a humidade no corredor do fim da casa, Pondo grelado nas paredes…
O que eu sou hoje  (e a casa dos que me amaram treme através das minhas lágrimas),

                        In Aniversário, Álvaro de Campos

Esta pequena exposição é uma parte de um conjunto de documentos familiares que foram recentemente descobertos e que nos ajudarão a conhecer melhor a família paterna do escritor. Quem eram, onde viviam, o que faziam estes Pessoa(s) de Tavira, primos do poeta? Parte deste acervo documental estava “esquecido” num antigo cofre e outra parte estava arrumada em caixotes que, possivelmente, acabariam no lixo e se perderiam para sempre, não fosse a sensibilidade de um familiar do poeta que os salvou e me entregou em mãos… Não só ficámos a conhecer a prima “Lisbela” como, também, outros parentes do lado paterno do escritor que com ele, certamente, privaram nas suas deslocações à cidade de Tavira. 

                                                                         Rui Cansado Guedes

mais info:
Rui Cansado Guedes: cansadoguedes@hotmail.com
O FUTURISMO DO NOSSO PASSADO
Casa das Artes de Tavira 
SEG 12 a SEX 30 NOV. das 17h00 às 20h00

A atitude principal do futurismo é a Objetividade Absoluta, 

a eliminação, da arte, de tudo quanto é alma, quanto é sentimento, emoção, lirismo, subjetividade… 

  In Carta ao Diário de Notícias de Álvaro de Campos

Exposição na Casa das Artes de Tavira onde se apresenta o resultado do trabalho dos alunos da Escola Secundária de Tavira: em várias técnicas dadas em aula; em gravura a partir da oficina de gravura e em teatro resultado da oficina de teatro.

mais info:
Profª Ana Cristina Matias (coordenadora): anamatias@estavira.com
SENTIR TUDO DE TODAS AS MANEIRAS
Casa das Artes de Tavira 
SEG 12 a SEX 30 NOV. das 17h00 às 20h00

… sentir tudo de todas as maneiras. A arte é aspiração do indivíduo a ser o universo. O universo é uma coisa imaginada… 

In Pessoa Inédito. Fernando Pessoa. (Orientação, coordenação e prefácio de Teresa Rita Lopes)


Exposição de esculturas de Álvaro de Campos em madeira pelos alunos da Escola Básica D. Manuel I. O processo de trabalho será documentado num vídeo que ficará em exibição na Casa das A es de Tavira.

mais info:
Prof. Pedro Jubilot (coordenador) pedromalves2014@hotmail.com