1GO!1E (ichigoichie) COM ÁLVARO DE CAMPOS

Yuko Kominame e Partilha Alternativa apresentam

 

Sala Guilherme Camacho da Biblioteca Álvaro de Campos
SEX 02, SAB 03 e DOM 04 Nov às 18h30                                                                                                                                                                                                                                  … Não é a língua em que está escrito um um poema que interessa mas sim o poema que foi escrito nessa língua…                                                                                                                                                                                                                                                                                               Páginas de Estética . Fernando Pessoa                                                                                                                                                                                                        A caligrafia em tempo real é justaposta através de projeção e processada pelo air-shodo um programa interativo que projeta em telas de papel poemas de Álvaro de Campos traduzidos em japonês. A dança  de Yuko Kominami e a música de Tomás Tello giram dentro e ao redor da caligrafia projetada.

Este projeto é um encontro em torno de poemas de Álvaro de Campos e da Caligrafia Japonesa. Definindo a caligrafia e os poemas como personagens principais, e tendo a dança, a música, e a combinação de projeção de vídeo com o desenho de cena como coadjuvantes para criar um espaço-tempo único. A caligrafia em tempo real (Rie Goto) é justaposta através da projeção à cargo de Kunihiko Matsuo e processada através do ar-shodo (um programa interativo desenvolvido pela organização sem fins lucrativos chamada SHAREFL), apresentado pelo cenógrafo Naoki Hamanaka projetando em telas a caligrafia escrita no ar. A dança  de Yuko Kominami e a música de Tomás Tello giram dentro e ao redor da caligrafia projetada.

Os poemas de Álvaro de Campos são inscritos ao vivo em caligrafia japonesa e justapostos aos textos originais, com imagens, movimentos e música. As lacunas entre estes materiais justapostos e as interrupções nas narrativas são repetidas incessantemente até o ponto em que os sinais, símbolos e assuntos se dissolvem em cores, partículas e vibrações. O Eu, como sujeito, passa pela multiplicação (como nos heterônimos de Pessoas), daí a liquefação do sujeito.

 

Kunihiko Matsuo – Encenador e Artista Multimédia – Performance IchiGo IchiE

Artista multimédia baseado em Tóquio, especializado em desenho audiovisual e dança contemporânea. Trabalha com tecnologia, artes performativas e design, com uma visão integrada de design em media digital. Desde 2012 é membro da direção da bienal de Odisha, de arte e dança contemporânea em Bhubaneshwar na índia. Ganhou o prémio Diva2003 na exposição digital, Interactive And Visual Arts Do Tokyo Institute Of Technoligy e o primeiro prémio da The Presence Of Time  – City Architecture Art For Braunschweig.

Naoki Hamanaka – Arquiteto / Cenógrafo – performance IchiGo IchiE

Bacharel pela Waseda University, mestrado pela Graduated Shibaura Institute Of Technology, fundador do Hamanaka Architects’ Studio atualmente chamado hamanakadesignstudio. Ganhou menção honrosa na Toyama Product Design Competition. Em 2004 o 1º prémio na Eu Cultural Capital Idea Competition; em 2008 menção honrosa para Michi-No-Eki Obanazawa Do The Illumination Institution Of Japan e em 2013 2º prémio no Architectural Lighting Design Competition (Jia, Daiko)

Rie Goto – Poetisa/Calígrafa – performance IchiGo IchiE

Nascida e residente no Japão. Rie goto é poeta, mestre em caligrafia japonesa, performer e editora. É também atriz tendo trabalhado em teatro cinema e televisão. Tem participado de um evento de artes performativas que apresenta novos artistas. Combina caligrafia e poesia. Apresentou seu poema Hikari No Hanataba com música composta por Toru Yamagishi; foi diretora artística e declamadora de Sunaneko Kikaku; apresentou a performance instalação Benzaiten Engi – Saraswati Flows On em Taiwan e na India.

Tomás Tello – Músico – performance IchiGo IchiE

Estudou harmonia e composição com Jorge Madueño e guitarra com Andrés Prado. Em Barcelona estudou no Taller De Músics. Estudou guitarra tradicional peruana com Gustavo Urbina. Em Buenos Aires estudou a técnica Alexander com Jessica Nardelli e guitarra elétrica com Fernando Kabusacki. Em lima formou o Duo Shaolines Del Amor. Em 2009 passou a trabalhar com Yuko Kominami. Organizou o “ooh” Experimental Music Festival No Luxemburgo, e participou do projeto de Pesquisa Sonora Sonic Melting Sound no Quelccaya Glaciar em Cusco.

Yuko Kominami – Coreógrafa/Bailarina – performance IchiGo IchiE

Bacharel em História Japonesa pela Waseda University De Tóquio, em Estudos De Danças Comunitárias pelo Laban Center e Culturas, Histórias e Práticas da Dança Pela Universidade de Surrey. Criou e interpretou: Ones Voices com Steve Kaspar, em Berlim e em Sibiu ; Remembranece no Luxemburgo e  em Paris;  Bi-Ka, Ket-Sui e Wa-Ku  em Berlin;  Recollections  com Kunihiko Matsuo, na India;  Kaku em Lille; Mayu  em Riga e em Budapeste e Dreaming Scarlet Medusa, no Luxemburgo e em Lima.